Revista Nº 21 - Julho de 2021

329 visualizações

Editorial

Homenageamos nesta edição Dadi Janki líder espiritual que tendo deixado um legado de mais de 75 anos de meditação, abriu as portas ao auto autoconhecimento, ao pensamento positivo e à compaixão. Dadi Janki faleceu em 2020 com 104 anos de idade. 

Dadi Janki foi administradora da Brahma Kumaris World Spiritual University (BKWSU) e foi reconhecida mundialmente como uma das maiores líderes espirituais dos nossos tempos. Ela viajava por todo o mundo, ensinando e partilhando a sua sabedoria e o seu profundo conhecimento acerca da ciência da espiritualidade.

O caminho de autodescoberta das verdades espirituais, fez com que Dadi atingisse um estado de grande Paz, serenidade e poder interior. Dadi sempre se recusou a autolimitar-se com objetivos e metas. Para Dadi nada é inalcançável e ao recusar esta noção do impossível, ela inspira-nos a fazer o impossível, que é na verdade possível.

Dadi foi pioneira no desenvolvimento de vários projetos internacionais (em 129 países diferentes) desenvolvendo desde a base do projeto, a visão, os valores e toda a capacidade de ação que no fundo liberta e dota os indivíduos e as suas comunidades de uma aprendizagem e partilha de conhecimento de respeito e integridade mútua. Todas as ferramentas eram necessárias para melhorar a qualidade de vida e a qualidade de vida do local onde viviam. Dadi trabalhava em todas as vertentes, e como líder que era potencializava o melhor de cada um. 

Conheci pessoalmente Dadi Janki em Mount Abu na India em Outrubro de 2012, foram momentos inesquecíveis, de pura Paz e aconchego, a sua dedicação ás causas que acreditava eram determinantes e orientadas com a sua missão.

Dadi Janki cumpriu a sua missão. No seu legado encontramos muita da sua sabedoria e conhecimento que deve ser partilhada, honrada e mantida no nosso dia a dia e nos nossos corações. 

Dadi oferece-nos o respeito e humildade de uma grande senhora que defendeu, protegeu e passou o seu conhecimento a outras mulheres e ao mundo. Que a sua mensagem de Amor pelo Pai e a Verdade que existe nos nossos corações sejam sempre a nossa lembrança, de que a sua presença espiritual é a diferença, que faltava para um mundo melhor.

Om-Shanti  

Maria de Fátima Ribeiro


Fotos

Vídeo

Revista Nº 21