José Maria Amaral

O que é a Homeopatia?

Por José Maria Amaral em Fevereiro 2021

Tema Saúde / Publicado na revista Nº 19
192 visualizações

HOMEOPATIA é uma palavra de origem grega que significa doença semelhante.

O princípio é simples: o que causa a doença também pode curá-la.

Foi criada pelo médico alemão Samuel Hahnemann em 1796. É uma terapia que visa estimular a força vital do indivíduo em vez de suprimir os sintomas.

Metodologia: trata se de um método terapêutico que utiliza uma substância capaz de forçar o corpo a reestabelecer o seu equilíbrio. A doença é uma manifestação energética em perturbação. Sendo assim aconselha se a toma de um remédio homeopático que por sua vez será capaz de proporcionar equilíbrio da energia vital, combatendo os efeitos mórbidos de uma enfermidade. Numa consulta, é enviado previamente um questionário, quer para um adulto quer para uma criança (homeopatia pediátrica). Um questionário para recolha detalhada da informação, histórico clínico, entre outras perguntas, de modo a conseguir-se alcançar um melhor entendimento sobre o paciente para se poder alcançar as corretas recomendações.  

É de salientar que o profissional homeopata não pesquisa apenas os sintomas da doença!

Ele precisa entender como surgem e se desenvolvem as patologias do indivíduo (daí a importância do questionário, que permite um estudo aprofundado).

Na consulta faz-se, e confirma se o questionário, com perguntas sobre os hábitos, alimentação, reações ao clima, características do sono e sonhos, estado de humor, medos, temperamento e tudo o que possa interferir com a saúde.

No tratamento homeopático o médico procura individualizar a pessoa e não a doença.

Desta forma, para uma mesma doença em diversos pacientes, cada um deles pode receber um remédio diferente.

Alguns factores que interferem com a saúde

– Factor Biológico: Corpo

– Factor Psicológico: Mente, emoções e capacidade intelectual

– Factor Sociológico: Relação com o meio ambiente e as influências da sociedade sobre ele.

Este conjunto chama-se BIOPSICOSOCIAL..

Os remédios sugeridos para tomar podem ser sobre a forma de pós, grânulos, gotas e os mesmos podem ser de origem vegetal, mineral ou animal. Cada paciente corresponde maioritariamente a um dos reinos abaixo resumidos embora possa também ter características secundárias de outros reinos.

Assim temos:

O Reino Mineral - Os temas centrais comuns aos medicamentos do Reino Mineral são a estrutura e a organização, e os problemas dos remédios/personalidades minerais provém de uma rutura nesta estrutura e organização, quebra de relações ou falhas no desempenho. Como personalidades, eles são muito sistemáticos e tendem a ser altamente organizados.

O Reino Animal - Comum aos medicamentos animais há um “conflito” que tem a sua base na divisão dentro do self. Existem dois lados diferentes de tais personalidades: o lado animal e o lado humano. O lado animal se preocupa com a competição (que é a chave da sobrevivência no mundo animal). Há necessidade de se atrair a atenção, e estas personalidades são atraentes no seu comportamento e aparência. Eles também podem ser enganosos, malévolos e agressivos – e todas estas qualidades podem ser atribuídas ao seu lado animal. 

O Reino Vegetal - A qualidade básica de uma planta é a sua sensibilidade. Ela é um organismo vivo enraizado no solo, incapaz de mover-se. Para sobreviver, ela precisa ser sensível às alterações no ambiente externo e também capaz de se adaptar a estas mudanças, pois ela não consegue se mover dali. Estas características também são descritivas daqueles que precisam de um medicamento vegetal. Eles têm uma natureza sensível, afetada por muitas coisas e ajustando-se/adaptando-se a elas. 

As expressões que eles empregam são :”Eu sou afetado por/sensível a ..” “Isto me incomoda..”, “Eu não consigo tolerar...” “Isto me toca”. Estas expressões mostram-nos como pessoas sensíveis, suaves e emocionais.

Em conclusão os remédios são administrados em doses diluídas e dinamizadas preparadas através de uma técnica exclusiva das farmácias homeopáticas reconhecidas.

Como qualquer medicamento, deve ser tomado conforme orientação adequada, específica para cada pessoa.

NA HOMEOPATIA CADA PACIENTE É ÚNICO!

José Maria Amaral

Terapeuta Holístico

Curso de Homeopatia a Iniciar Em Abril

Inscrições e informações - info@revistaespacoaberto.pt


ARTIGO MAIS VISTO

COVID-19 e a alimentação.

COVID-19 e a alimentação.

Isabel Moreira
Por Isabel Moreira em Março 2020
Tema Saúde
5944 visualizações

O cuidado prestado por cada um de nós é fundamental na contenção e evolução desta epidemia que afeta a todos.

Mantenham as medidas de higiene que a organização Mundial de Saúde ...
Ler mais

OUTRAS LEITURAS

Diário da Alma

Por Lurdes Pinheiro
Edições Mahatma
450 visualizações

Quando precisamos de ser organizados dentro e fora de nós, usamos uma agenda para que os nossos afazeres aconteçam na hora certa e no momento apropriado. ...
Ler mais