Alberto Andrade

Quartos

Por Alberto Andrade em Dezembro 2020

Tema Desenvolvimento Pessoal / Publicado na revista Nº 18
148 visualizações

Trata-se de um dos locais onde passamos mais tempo e numa atitude recetiva (yin), pelo que é necessária uma especial atenção a este local.

Um sono físico, espiritual e energeticamente de boa qualidade é fundamental para que todo o nosso potencial se manifeste, gerando bons relacionamentos afetivos e interpessoais, concentração e produtividade adequadas para o estudo e trabalho, capacidade de superação de obstáculos variados e boa resistência imunológica, física e energética.

Devem-se utilizar cores suaves, evitando ao máximo as cores fortes e agressivas. Branco, bege, amarelo e verde-claro, salmão, pêssego, marfim e rosa claro podem ser algumas das cores a utilizar. Os azuis deixam as pessoas mais introspetivas.

Quanto à iluminação, não devem ser usadas lâmpadas fluorescentes, assim como se devem evitar lâmpadas por cima da cabeceira.

Não colocar espelhos em local visível.

Relativamente à porta do quarto deve-se ter em atenção o seguinte:

- que não dê diretamente para uma casa de banho, assim como a cama não deverá estar junto à porta de um quarto de banho;

- não deverá dar diretamente para umas escadas;

- não estar em frente à porta de outro quarto;

- evitar flechas venenosas dirigidas para a porta ou para a cama.





Algumas regras importantes:

 Não colocar a cama no alinhamento de portas com janelas, portas com portas ou janelas com janelas;

 Evitar camas de metal, colchões de água, colchões magnéticos ou camas embutidas em armários ou estantes;

 Não encostar a cabeceira da cama a paredes que dão para a casa de banho (principalmente naquelas onde passam canalizações);

 Não voltar a cabeceira da cama para as portas (especialmente as de quarto de banho);

 A cama não se deve localizar sob ou sobre cozinhas (especialmente nas localizações dos fogões, frigoríficos e máquinas de lavar), sob ou sobre caldeiras, tanques, piscinas ou garagens em uso;

 Não colocar a cama debaixo de vigas expostas;

 Manter o vão sob a cama livre de objetos (sapatos, caixas de livros, etc.) e sempre limpo e arejado. Os vãos das camas não devem ser demasiado pequenos de forma a puderem receber luz e serem limpos com frequência;

 Nas suites, ou no caso da porta do quarto estar alinhada com a do quarto de banho, a tampa da sanita deverá estar sempre em baixo e a porta do quarto de banho fechada. Deve ser dada especial atenção à limpeza;

 Evite ter televisão no quarto. Todavia, se a tiver e a quiser manter, não se esqueça de a desligar da tomada antes de dormir, vire o ecrã para outra direção ou cubra-o (o ideal seria tê-la dentro de um armário) e ventile o ambiente. Não se deve ver televisão a menos de 2 ou 3 metros. As mesmas regras aplicam-se aos computadores, tendo estes a agravante de misturar as energias de descanso e de trabalho;

 Os telemóveis não devem ser carregados dentro do quarto e muito menos perto da cabeceira da cama. Mantê-los a uma distância de segurança de 5 metros;

 Também os rádios-despertadores digitais deveriam ser mantidos a alguma distância da cabeceira da cama – 1,5 a 2 metros seria a distância ideal;

 Todo o ambiente de casa necessita de ventilação e luz natural, muito especialmente o quarto. Não deve ser lugar de desarrumação, lixo e papeladas. Limpe e organize tudo antes de se deitar ou saír de casa, para que ao entrar a atmosfera energética esteja purificada, facilitando a “recarga de baterias” e propiciar um bom sono;





Quartos das crianças

Esta é uma área que deverá ser, simultaneamente, divertida de dia e propiciadora de um sono reparador e tranquilo à noite.

O mobiliário poderá ser de cores vivas, mas de cantos arredondados, leve e simples para que não torne o quarto opressivo.

Evite ter espelhos visíveis.

Utilize algodão nas roupas de cama e nunca materiais sintéticos.

Evite candeeiros metálicos – conduzem mais energia eletromagnética e eletricidade estática – e, de preferência, tenha as luzes direcionadas para cima.

Não deixe que a criança se deite sem antes ter arrumado os seus brinquedos. Um quarto organizado é mais tranquilizador.

Evitar, se possível, que os quartos das crianças tenham material eletrónico. Não o podendo, guardá-los a, pelo menos, um metro da cabeceira da cama.

Verdes e amarelos, mas também azuis, poderão ser boas cores para pintar um quarto de criança. Todavia, tenha em atenção a personalidade da criança aquando da escolha da cor.

Alguns estudos referem que um bebé poderá chorar mais num quarto pintado de amarelo.

Alberto Andrade

Nesta época sempre especial, e apesar das contingências, desejo-lhe um Santo Natal, com muita saúde e bom Feng Shui!







ARTIGO SUGERIDO

Terapias Naturais e Pessoas com Necessidades Especiais

Terapias Naturais e Pessoas com Necessidades Especiais

Susana Oliveira
Por Susana Oliveira em Maio de 2021
Tema Desenvolvimento Pessoal / Publicado na revista Nº 20
343 visualizações

Cuidar com métodos naturais e formas complementares pessoas que por norma já tomam tantos medicamentos convencionais é cada vez mais uma opção, pois tem-se mostrado benéfico a vários ...
Ler mais

OUTRAS LEITURAS

Murmúrios de um Tempo Anunciado

Por Pedro Elias
Caminhos de Pax, Lda.
628 visualizações
Murmúrios de um Tempo Anunciado é um romance histórico que atravessa um dos períodos mais intensos do Cristianismo. De Décio a Constantino, das perseguições à instauração do dogma, de ...
Ler mais