Janani Elisabete

O Prazer de um Chá

Por Janani Elisabete em Agosto 2020

Tema Saúde / Publicado na revista Nº 16
434 visualizações

Quente ou frio, o chá é uma boa ideia para um convívio de amigos,  como companheiro de um bom livro, ou como um remédio natural para o nosso organismo. Quem nunca tomou um chá para aliviar um mau estar, uma má disposição, ou simplesmente por puro prazer? Sem dúvida é um hábito comum em todo o mundo,   e das plantas,  de uma forma muito simples, retiramos um sem número de benefícios. Uma chávena de chá, ajuda-nos a recuperar forças e energia. Na verdade, esta bebida acrescenta à nossa dieta diária um aporte significativo de nutrientes importantes.

Como preparamos um chá? 

Sem grandes segredos, vertemos água fervente sobre a erva que pode ser fresca ou seca, deixando esta maceração em repouso por uns minutos.  A infusão em água quente é indicada para ervas que não libertam os seus componentes ativos em baixas temperaturas, mas que não podem ser fervidas, pois, dessa forma, poderão perder as suas propriedades medicinais.  Os chás não devem ser fervidos para que não se percam suas substâncias ativas.

A quantidade de plantas ou ervas, em média, deve ser de 20 a 30 gr, se estiverem verdes, 10 gr se estiverem secas, e então colocar a água quente. Deixar repousar por 15 minutos, havendo  folhas ou flores e se houver talos, cascas ou raízes, deixar repousar por 20 minutos.

Principais ervas e os seus benefícios:

Alecrim - stress físico e mental, depressão, reumatismo, gota, e digestão. O chá de alecrim tem várias finalidades, nomeadamente tratar o colesterol, as dores de dentes ou enxaquecas,  doenças de coração. Também ajuda no combate à de celulite.

Lavanda -  Insónias, Sistema nervoso, dores de cabeça, tosse, asma, bronquite.

Anis Estrelado -  Anti-flatulência.

Boldo - Tónico do aparelho digestivo; aumenta a produção da bílis eliminando gases, cálculos na vesícula e no combate de afecções do fígado e baço.

Camomila -  Auxilia a digestão. Diarreia. Náuseas Indicado como calmante para insónias e sistema nervoso.

Carqueja -  Ação benéfica sobre o fígado e intestino aliviando azia, má digestão, perturbações gástricas e fins curativos, prisão de ventre. Sistema urinário.

Cavalinha -  Doenças dos rins e bexiga. Anti-inflamatório, adstringente e revitalizante. Ajuda na circulação sanguínea, beneficiando o metabolismo  e ajuda a eliminar   toxinas.

Cidreira -  Sedativa em distúrbios de origem nervosa, perturbações gástricas, enjos e espasmos. Alivia dores de cabeça.

Dente-de-leão -  Diurético, destaca-se no combate à arteriosclerose, à celulite, à tensão alta e ao mau colesterol. Usa-se ainda nos problemas de fígado e vesícula.

Erva doce -  Alivia cólicas menstruais. Auxilia a  digestão..

Eucalipto -  Inflamações das vias respiratórias, como tosse, rouquidão, bronquite, asma.

Folhas de Oliveira -  Ajuda no tratamento de diabetes ou doenças ligadas ao coração.

Folha de Urtiga - Exerce um efeito de drenagem sobre o fígado e activa a circulação sanguínea. É um tónico que contém vitaminas e minerais, incluindo ferro. .

Gengibre – Poderoso anti-inflamatório.

Protege contra a doença de Alzheimer. Actua sobre a função neurológica e retarda a perda de células cerebrais. Síndrome do intestino irritável.  Calmante para  o sistema digestivo. 

Hibisco -  Diurético. Ajuda no emagrecimento. Hipertensão arterial. Cálculos renais. Diminui o colesterol. Febre. Inflamação das gengivas. Ajuda na defesa do organismo. 

Hortelã – Alivia a  azia. Gases e cólicas. Vermífugo (lombrigas). Alivia asma e bronquite. Calmante. Sistema digestivo. Alivia a insónia.

Lúcia-Lima / Limonete -  Auxilia a baixar a pressão arterial. Sistema digestivo. Relaxante e calmante, sendo indicada para pessoas ansiosas e hiperatividade. Anti-inflamatória, aliviando dores musculares.

Louro -  Possui compostos anti-cancerígenos. Ajuda a combater inflamações do fígado. Infecções da pele e dos ouvidos. Melhora o funcionamento dos rins. Age como expectorante em gripe, resfriados, bronquite e outras doenças respiratórias. Pode ser usado ainda para regular o fluxo menstrual. 

Malva – Actua nas vias respiratórias. Processos inflamatórios da boca e garganta, através de bochechos e gargarejos. Anti-séptico de vias digestivas e urinárias.

Salsa -  Auxilia no tratamento de dores digestivas e azia. Regula a menstruação e combate cólicas menstruais. Artrite, artrose e gota. Possuir fortes propriedades diuréticas,  indicado para infecções urinárias e problemas renais.

Tília -  Tem propriedades diuréticas e sedativas. Acidez gástrica. Doenças hepáticas e biliares.

Chá verde – Antioxidante. Melhora a função cerebral, prevenindo doenças neurodegerenativas. Emagrecimento. Infecções. Melhora o humor. Sistema digestivo.


Estes são apenas os principais beneficios dos chás mais conhecidos. Muitos outros haverão. No entanto, saliento que nada substitui uma ida ao médico. 

Janani Elisabete




ARTIGO MAIS VISTO

COVID-19 e a alimentação.

COVID-19 e a alimentação.

Isabel Moreira
Por Isabel Moreira em Março 2020
Tema Saúde
2800 visualizações

O cuidado prestado por cada um de nós é fundamental na contenção e evolução desta epidemia que afeta a todos.

Mantenham as medidas de higiene que a organização Mundial de Saúde ...
Ler mais

OUTRAS LEITURAS

Murmúrios de um Tempo Anunciado

Por Pedro Elias
Caminhos de Pax, Lda.
222 visualizações
Murmúrios de um Tempo Anunciado é um romance histórico que atravessa um dos períodos mais intensos do Cristianismo. De Décio a Constantino, das perseguições à instauração do dogma, de ...
Ler mais